Clube do livro (página 1 de 27)

Que leitor nunca sonhou em fazer parte de um clube do livro? Essa é a hora! Vamos selecionar um título e queremos que você leia e discuta com a gente!

[O Mestre e Margarida] Semana #14

O Mestre e Margarida, de Mikhail Bulgákov, foi sem dúvidas uma das leituras mais divertidas – e desafiantes – que fizemos ao longo desses doze Clubes do Livro do Achados e Lidos, como apontam os leitores que nos enviaram os comentários que reproduzimos abaixo.

A visita do Diabo e sua trupe à Moscou rende cenas insólitas, como o baile da meia noite, e também reflexões importantes sobre livre arbítrio, tentação e religiosidade. Ainda assim, em meio a uma miríade de personagens e referências rebuscadas, que vão do Inferno de Dante ao Fausto de Goethe, esse é um livro que exige dedicação do leitor, como podemos perceber nos comentários que recebemos de nossos seguidores.

Mais uma vez, agradecemos à participação de nossos leitores! Em breve retomaremos os Clubes, agora em um novo formato, pensado para aumentar ainda mais a discussão! Fiquem ligados em nossas redes sociais!

Leia mais

[O Mestre e Margarida] Semana #13

Chegamos ao fim de mais um clube do livro! O saldo da leitura? Muito mais que positivo! Nós, que já somos fãs de literatura russa, nos surpreendemos com essa obra prima de Bulgákov. Com uma escrita que mistura, com maestria, realidade e fantasia, ele construiu um enredo repleto de referências históricas e permeado de ironias inteligentes.

E você? Acompanhou a leitura conosco? Mande suas opiniões para o e-mail blogachadoselidos@gmail.com. Publicaremos na próxima semana!

Por Mariane Domingos e Tainara Machado

Chegou a hora do Juízo Final em O Mestre e Margarida. Korôviev e Behemoth continuam a perambular por Moscou, em suas últimas aventuras na cidade. Os destinos são, claro, escolhidos a dedo: uma loja exclusiva para estrangeiros e o lar de escritores, a casa de Griboiêdov.

Leia mais

[O Mestre e Margarida] Semana #12

Os acertos de conta começam a ser feitos em Moscou, onde se desenrola uma investigação sobre o que, afinal, aconteceu no Teatro de Variedades durante o espetáculo da trupe diabólica. Na próxima semana, encerramos a leitura de O Mestre e Margarida, com certeza uma das mais marcante do nosso Clube do Livro! Também acompanhou conosco? Não deixe de enviar seu comentário sobre a leitura!

Por Mariane Domingos e Tainara Machado

As páginas finais de O Mestre e Margarida se aproximam e, aos poucos, começamos a colocar alguns pontos finais nessa história hilariante. Como não poderia deixar de seu quando se trata de Bulgákov, mesmo os acertos de conta têm um quê de delirante.

Em sua imersão na obra do mestre, Margarida lê mais um trecho da história de Pôncio Pilatos. Os dias seguintes à crucificação de Ha-Notzri (Jesus, na grafia original) não trazem paz para o procurador, como ele já temia. Judas de Queriote, que traiu seu mestre por trinta tetradracmas, foi morto em uma emboscada. O oficial de inteligência encarregado de evitar esse assassinato não o conseguiu. Marcos, um dos leais seguidores de Jesus, também tinha o mesmo desígnio, até saber que o traidor está morto. Pilatos chama para si essa responsabilidade, e sabemos que se aproxima o momento em que ele terá que enfrentar o peso de suas decisões.

Leia mais

[O Mestre e Margarida] Semana #11

Depois do grande baile, chegou a hora do reencontro entre o Mestre e Margarida. Com diálogos cheios de ironia e humor, Bulgákov vai conduzindo o leitor ao desfecho dessa narrativa. Para a próxima semana, avançamos até o início do capítulo 28 ou página 346, se você tem a edição da foto.

Por Mariane Domingos e Tainara Machado

Depois de cumprir todas as condições da trupe diabólica e passar uma noite surreal e exaustiva como anfitriã do baile, Margarida pode, enfim, reivindicar sua parte no trato. Porém, como todos os momentos até agora envolvendo o diabo, esse também é carregado de armadilhas, testes e, claro, muito humor e ironia.

Ao contrário da maioria dos personagens, Margarida é bastante perspicaz. Ela consegue desvendar, sem grandes dificuldades, a agenda oculta de Woland. Quando a noite do baile se encaminha para o seu final, ela percebe que, embora tenha seus direitos diante do combinado, aquela trupe era poderosa demais para que ela se arriscasse com cobranças.

Leia mais

[O Mestre e Margarida] Semana #10

O Grande Baile do Satã foi, sem dúvida, um dos melhores (e mais assustadores) capítulos que temos até aqui. Em um ritmo alucinante, somos apresentados a uma fileira de reis, rainhas, envenenadores e outros personagens com um passado no mínimo duvidoso, enquanto Margarida assume uma posição que, definitivamente, não imaginávamos. Para a próxima semana, avançamos até o capítulo 26, ou página 311, se você tem a edição da foto. São menos de 100 páginas para o fim da leitura! Aproveite e conte para gente o que mais te marcou até aqui nos comentários!

Por Mariane Domingos e Tainara Machado

Depois de todos os feitiços e prodígios daquela noite, já deduzia exatamente quem ela estava sendo levada para visitar, porém isso não a assustava.

Diferentemente da maioria dos mortais, Margarida vê com pouco assombro o encontro impressionante que a noite lhe reserva: com ninguém menos do que Diabo em pessoa. Com sua habilidade de dramaturgo, Mikhail Bulgákov nos familiariza com o cenário fantasmagórico em que vamos imergir nas próximas páginas.

Leia mais

Posts mais antigos

© 2018 Achados & Lidos

Desenvolvido por Stephany TiveronInício ↑