Tag: lista (página 1 de 4)

[Lista] 5 perfis paternos na literatura

A lista de hoje está bem eclética, no clima de Dia dos Pais, comemorado ontem! Dos clássicos até a literatura contemporânea, buscamos na estante algumas figuras paternas famosas no mundo dos livros, seja pelo exemplo, seja pela falta dele!

Lembrou de algum pai que ficou de fora? Conte para gente nos comentários!

1. Hamlet, de William Shakespeare: Nesta célebre história, o pai de Hamlet, príncipe da Dinamarca, passa a assombrá-lo após a sua morte, acusando seu irmão de tê-lo assassinado para se casar com sua mulher, Ofélia. Hamlet então decide armar um plano para descobrir se seu pai estava falando a verdade ou não. Ao explorar o limite entre a sanidade e a loucura, essa obra-prima da literatura inglesa influenciou inúmeros escritores, de James Joyce a Ian McEwan. 

Leia mais

[Lista] 11 autores latino-americanos que formam uma verdadeira seleção

A estreia do Brasil na Copa do Mundo de 2018 não foi exatamente o que esperávamos, mas a torcida do Achados & Lidos não desanima. Selecionamos 11 grandes autores latino-americanos que com certeza formam a seleção com a qual todo viciado em literatura sempre sonhou!

Esquecemos alguém? Não deixe de comentar aqui quais craques literários você não deixaria no banco!

O convite para essa lista partiu da Calle 2, revista digital que propõem um novo olhar sobre a América Latina. Para jogar junto com a nossa lista, indicamos essa seleção de escritoras latino-americanas que você também precisa conhecer! Acesse aqui!

Leia mais

[Lista] 10 livros para o desafio Histórias do Quintal

A querida Angela Alhanati, do Ao Sol No Quintal (@aosolnoquintal), nos convidou a participar de um desafio super bacana que ela está promovendo no canal dela. São 10 categorias diferentes que mostram livros que nos fizeram rir, chorar, que marcaram nossa adolescência e nossa vida.

Ao escolher esses títulos, acabamos também contando um pouco dos nossos gostos pessoais e de episódios que nos moldaram: afinal, nossas leituras acabam também definindo nossa personalidade.  

Esperamos que vocês gostem!

Ah, se quiserem participar, é só usar a hashtag  #historiasdoquintal e seguir as categorias abaixo. E, claro, não deixem de marcar o Achados & Lidos também!

1) Um livro triste: Vozes de Tchernóbil, de Svetlana Aleksievitch:

Quando começamos o Achados & Lidos, decidimos que o primeiro título do nosso Clube do Livro seria Vozes de Tchernóbil, da ganhadora do Prêmio Nobel de 2015.

Leia mais

[Lista] 5 livros em formato de diário

Quem não teve um diário não teve adolescência! Para matar as saudades dessa fase, hoje selecionamos cinco livros narrados nesse formato, embora nem sempre os dramas tenham algo de juvenil.

Tem um livro preferido neste estilo? Conte  pra gente nos comentários!

1. Informação ao Crucificado, de Carlos Heitor Cony: A literatura brasileira  perdeu neste ano um de seus grandes nomes, Carlos Heitor Cony. Cronista de mão cheia, em Informação ao Crucificado Cony rememora seu período em um seminário, em um livro com fortes traços autobiográficos. O diário que acompanhamos, contudo, é de João Falcão, um jovem prestes a se ordenar, mas que passa a duvidar com cada vez mais insistência de sua vocação, e até da religião.

Imortalidade não basta aos inquietos. Eles terminam santos ou loucos. Deus mais inquietude é santidade. Inquietude mais inquietude é igual à lucidez – que talvez seja a forma complacente da loucura.

Leia mais

[Lista] 5 clássicos em edições especiais

Nesta semana, minha casa ganhou uma prateleira nova, e não há desculpa melhor do que essa para enfileirar aqueles livros lindos que são verdadeiros xodós. Por isso, a lista dessa semana é temática: escolhi cinco clássicos em edições especiais que deixam qualquer estante mais bonita! Curioso? Confira a lista abaixo e, claro, não deixe de comentar qual é o livro que você guarda  com tanto carinho  que acaba até virando enfeite?

1. As Cidades Invisíveis, de Italo Calvino (Companhia das Letras, 200 páginas): Bom, para começar, essa é uma edição ilustrada, o que automaticamente configura um livro muito especial. Matteo Pericoli elaborou uma ilustração para cada cidade do imenso império mongol descrita pelo viajante veneziano Marco Polo a Kublai Khan, imperador dos tártaros. Os desenhos estão escondidos e precisam ser desdobrados para ser vistos, em uma bela alusão ao título. Além disso, eles são destacáveis  e podem virar um lindo quadrinho enfeitando a sua estante. É ou não para amar? Por último, mas não menos importante, esse é um dos livros mais marcantes do mestre italiano Italo Calvino, no qual o tom de fábula é predominante e as cidades são apenas símbolos da grandeza da existência humana.

Uma descrição de Zaíra como é atualmente  deveria conter todo o passado de Zaíra. Mas a cidade não conta o seu passado, ela o contém como as linhas da mão, escrito nos ângulos das  ruas, nas grades das janelas, nos corrimãos das escadas, nas antenas dos para-raios, nos mastros das bandeiras, cada segmento riscado por arranhões, serradelas, entalhes, esfoladuras. 

Leia mais

Posts mais antigos

© 2018 Achados & Lidos

Desenvolvido por Stephany TiveronInício ↑